Javascript is not enabled

Available actions

Reader available actions

Share
 

Paulo de Gouveia

Description details

Description level

Fonds Fonds

Reference code

PT /BPARLSR/PSS/PG

Title type

Atribuído

Date range

1977 Date is certain to 2011 Date is certain

Dimension and support

74 cx. (31 cx. acidfree; 2 cx. de diapositivos; 41 cx. de fotos); 6 DVD's; 9 mç.; 2 maquetes; 3 rolos.

Holding entity

Biblioteca Pública e Arquivo Regional Luís da Silva Ribeiro

Producer

Paulo Gouveia

Biography or history

Paulo Duarte de Melo Gouveia nasceu a 10 julho de 1939, na freguesia da Sé, Angra do Heroísmo e faleceu a 4 de novembro 2009, em Lisboa. Filho de Eduardo Duarte Gouveia, da freguesia da Sé, Angra do Heroísmo, comerciante e de Etelvina Bettencourt de Melo, da freguesia de Nossa Senhora da Conceição, Angra do Heroísmo. Licenciou-se em Biologia pela Universidade de Coimbra em 1970, e em Arquitetura pela Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa em 1978. Frequentou o curso de pós-graduação em Restauro e Conservação Arquitetónica pelo International Center for the Conservation and Restauration of Monuments, ICCROM, em Itália no ano de 1982 e defendeu o doutoramento em Arquitetura na Universidade de Évora em 2002. Desempenhou diversos cargos dos quais destacamos a colaboração junto da Universidade dos Açores na reconstrução da cidade Angra do Heroísmo, destruída pelo sismo de 1 de janeiro de 1980. É autor da obra Arquitetura Baleeira nos Açores/Whaling Architecture in the Azores, editada pela Presidência do Governo Regional dos Açores (Angra do Heroísmo, 1996) e autor de diversas conferências e trabalhos arquitetónicos, dos quais foi diversas vezes premiado. É também autor de uma obra que se inscreve com toda a propriedade numa corrente criativa pós-moderna, revelando uma leitura própria das culturas populares locais, através de um discurso pragmático, vernáculo, orgânico, plástico e poético. Entre outras obras emblemáticas, deixou-nos o Museu do Vinho e a ampliação do Museu dos Baleeiros, no arquipélago dos Açores, inaugurada em 2009.

Em 2009 foi também o ano da publicação do seu livro “Angra do Heroísmo: Arquitetura do século XX” e memória coletiva, pelo Instituto Açoriano de Cultura, livro resultante da Dissertação de Doutoramento que apresentou na Universidade de Évora.

O júri sublinhou que Paulo Gouveia “foi um arquiteto dos Açores que sempre se moveu com grande à vontade nos temas da cultura universal, um erudito que sempre soube olhar para a cultura popular, nomeadamente, para a herança emigrada da diáspora açoriana”.

Paulo Duarte de Melo Gouveia, considerado o representante máximo do pensamento pós-moderno na cultura arquitetónica açoriana. Devido ao seu falecimento e consequente desaparecimento do seu espólio, é muito difícil reconstituir os seus passos no mundo arquitetónico. O que fica são as palavras de quem teve em contacto, de alguma forma, com o seu trabalho ou a sua pessoa.

Informação retirada de:

<https://lajesdopico.blogs.sapo.pt/85615.html>

<http://www.aica.pt/pt/artists/paulo-gouveia>

Registo de nascimento em livro de extratos da Conservatória do Registo Civil de Angra do Heroísmo do ano de 1939, depositado no Arquivo Regional de Angra do Heroísmo.

Acquisition information

Fundo doado pela família do Arquiteto Paulo Gouveia

Arrangement

O Fundo Paulo Gouveia é constituído por 2 secções, nomeadamente: documentos pessoais; documentos profissionais. Foi ordenado por ordem cronológica e quando não foi possível, foi ordenado por ordem alfabética. Foi também constituído 14 coleções (séries) a nível de fundo, nomeadamente: fotos, diapositivos, DVD, jornais e revistas, monografias.

Other finding aid

Catálogo e site dos Arquivos Regionais dos Açores

Location of originals

Depósito 18, Bloco 7 Inferior, Estante 3

Depósito 18, Bloco 7 Inferior, Estante 12

Depósito 18, Bloco 8 Inferior, Estante 3-4

Notes

Os DVD's encontram-se junto dos outros DVD's: Depósito 18, Bloco 7 Inferior, Estante 3

As fotografias encontram-se junto das outras fotos: Depósito 18, Bloco 7 Inferior, Estante 12